segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Poemeus na Sexus




Foi lançada hoje, dentro da programação do IV Encontro de Literatura Contemporânea em Campina Grande, a Sexus, revista erótica editada pelo escritor Bruno Ribeiro, juntamente com André Luís, João Matias e Jorge Elô. Ontem, participei do encontro, compondo mesa com Ricardo Kelmer sobre Grupos literários e eventos alternativos. Hoje, participo da Sexus com dois poemeus. O poema de amor...



quando enfim te abres

(gozoso mistério)

entre o riso

e a lágrima

anuncias aos gritos

velados

            o armistício

do escudo à espada

            desfaço

do peito

            a armada

usada em batalha

            e dentro

de ti

            deposito

o cetro

            da glória

e do medo

            que (des)governa



... e o Soneto da trompa e do trompete. Esses e outros textos, de autores como Joedson Adriano, Wander Shirukaya, Gustavo Limeira e Glauco Mattoso, aqui. E ATENÇÃO: o acesso (não) é recomendado a mães, sogras, avós e carolas de todos os gêneros.

*

Só vai ficar escandalizado quem nunca foi ao último tango...
 
*

Nenhum comentário:

Postar um comentário